Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Mapeamento de Competências - 1º Ciclo

Foi realizado no ano de 2011 pela Pró-Reitoria de Desenvolvimento e Gestão de Pessoal (PROGEP) em parceria com o Professor Doutor da Faculdade de Psicologia da UFPA, Thiago Dias Costa, após a aprovação do projeto no Programa para Fomento a Projetos de Desenvolvimento e Gestão de Pessoal, promovido pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

A metodologia utilizada compreendeu inicialmente uma pesquisa documental relativa à estratégia organizacional da instituição e de cada uma de suas unidades. A partir dessa análise documental, foram delimitadas as Competências Organizacionais de cada unidade da UFPA visitada, e, posteriormente, submetidas à aprovação de seus gestores. De acordo com as características da unidade, foi adotado um procedimento para realizar o mapeamento de competências profissionais dos servidores ali lotados: entrevistas, questionários ou grupos focais.

Seguido a isso, partiu-se para a identificação das Competências Individuais no período de agosto de 2011 a outubro de 2012. Os entrevistadores realizavam o mapeamento no local de trabalho dos servidores. As informações coletadas eram transformadas em competências e submetidas, posteriormente à aprovação dos servidores e de sua chefia imediata. Ao todo, 830 servidores participaram dessa fase.

Após a coleta e validação das Competências Profissionais, foi fornecido a gestores e servidores acesso ao sistema de avaliação e acompanhamento de competências. Através das avaliações, foram identificadas as competências que possuíam maior importância para aquela unidade, mas eram mal desempenhadas pelos servidores. Desta forma, as lacunas de competências de cada unidade mapeada foram identificadas.

Avaliação das lacunas: As competências foram classificadas de acordo com o alinhamento estratégico estabelecido pelo Plano de Desenvolvimento Institucional da Universidade. Assim, foram selecionadas as competências organizacionais e profissionais que estavam mais alinhadas aos objetivos da instituição. Esta classificação foi cruzada com a avaliação das competências profissionais. Assim, foi possível constatar que lacunas institucionais deveriam ser sanadas de forma prioritária, atendendo as necessidades mais imediatas do Plano de desenvolvimento institucional da Universidade.

Como resultado deste ciclo, foram identificadas 31 Competências Individuais dos Servidores Técnico-Administrativos da UFPA, descritas na tabela 01 abaixo:

Competências Descrição das Competências
1 (C1) Atendimento ao Público: Capacidade de identificar as demandas do cidadão, respondendo-as com cortesia e clareza de acordo com os objetivos da Instituição.
2 (C2) Tramitar documentos: Capacidade de receber e encaminhar documentos para os setores competentes.
3 (C3) Elaborar documentos: Capacidade de elaborar diferentes tipos de documentos de acordo com a legislação vigente, sem erros gramaticais, utilizando ferramentas pertinentes.
4 (C4) Editar Imagens: Capacidade de realizar edição de imagens em equipamentos específicos.
5 (C5) Arquivar documentos: Capacidade de organizar documentos, possibilitando sua fácil localização e conservação.
6 (C6) Prestar serviços ao servidor: Capacidade de identificar as demandas do servidor, atendendo suas necessidades dentro do prazo vigente.
7 (C7) Desenvolver sistemas de computador Capacidade de projetar e atualizar sistemas, realizando manutenção periódica.
8 (C8) Gerir a Editora: Capacidade de administrar a edição, impressão, venda e distribuição da produção científica da Instituição.
9 (C9) Recursos Materiais: Capacidade de identificar necessidades e adquirir recursos materiais para a Instituição, a fim de garantir seu pleno funcionamento.
10 (C10) Gestão de Processos: Capacidade de interpretar e tramitar processos, segundo a legislação vigente.
11 (C11) Sistemas e softwares: Capacidade de manusear sistemas e softwares para a realização das atividades que competem ao setor.
12 (C12) Gestão de recursos financeiros: Capacidade de prever, planejar e executar as atividades orçamentárias e financeiras, garantindo a consecução dos objetivos institucionais.
13 (C13) Secretariado: Capacidade de prestar apoio, suporte e consultoria a setores da Instituição, atendendo as demandas.
14(C14) Planejamento Organizacional: Capacidade de identificar necessidades da Instituição e seus órgãos, propondo ações para alcançar suas necessidades organizacionais.
15 (C15) Serviços Laboratoriais: Capacidade de executar tarefas laboratoriais em confecção, análise e pesquisa de materiais e sistemas.
16 (C16) Coordenar Cursos: Capacidade de planejar, treinar e acompanhar cursos ofertados à servidores da Instituição.
17 (C17) Manutenção de Prédios e Equipamentos: Capacidade de fiscalizar, solicitar, coordenar e realizar reparos na infra-estrutura predial e de equipamentos, mantendo a integridade, higiene e limpeza dos mesmos.
18 (C18) Gerenciar Projetos: Capacidade de criar, executar e avaliar programas e ações, dentro do prazo e orçamento estabelecido, de acordo com os objetivos estratégicos da Instituição.
19 (C19) Gerenciar Bibliotecas: Capacidade de administrar materiais e serviços da Biblioteca, além de orientar quanto às regras técnicas de elaboração de textos científicos.
20 (C20) Fiscalização e Controle: Capacidade de acompanhar, fiscalizar e controlar atividades realizadas pelos institutos.
21 (C21) Gerenciar Concursos: Capacidade de acompanhar a elaboração e execução dos Concursos, de acordo com decretos, portarias e resoluções da Instituição.
22 (C22) Coordenar atividades em saúde do trabalhador: Capacidade de realizar perícia médica, desenvolvendo programas preventivos e corretivos em prol da saúde dos servidores da Instituição.
23 (C23) Gestão Acadêmica: Capacidade de gerir atividades acadêmicas de acordo com as demandas dos discentes, atendendo suas necessidades dentro do prazo vigente.
24 (C24) Divulgação de eventos e notícias: Capacidade de divulgar cursos, eventos, programas, resultados e publicações da Instituição.
25 (C25) Desenvolvimento Sustentável: Capacidade de desenvolver processos, reduzindo, re-aproveitando e reciclando recursos materiais.
26 (C26) Segurança Patrimonial: Capacidade de investigar, monitorar e vigiar o patrimônio da Instituição.
27 (C27) Dirigir veículos automotores: Capacidade operar veículos automotores da Instituição.
28 (C28) Realizar atividades com Crianças: Capacidade de recepcionar, higienizar e oferecer tratamento básico de saúde ao público infantil.
29 (C29) Serviços de copa: Capacidade de realizar tarefas de manipulação de alimentos e higienização de ambientes.
30 (C30) Ministrar cursos e palestras: Capacidade de planejar, ministrar e avaliar cursos e palestras.
31 (C31) Gestão de Pessoas: Capacidade de para delegar tarefas, mediar conflitos profissionais, fornecer feedbacks e acompanhar resultados dos servidores sob sua responsabilidade.

Fonte:
COSTA, Thiago Dias; de Almeida Júnior, João Cauby. Mapeamento de Competências Individuais dos Servidores Técnico-Administrativos da Universidade Federal do Pará. In: VI Congresso de Gestão Pública-CONSAD, 6., 2013, Brasília.Disponivel em: < http://repositorio.fjp.mg.gov.br/consad/handle/123456789/869?mode=full>
Fim do conteúdo da página